Dois destinos, uma passagem | Como fazer Stopover

Já pensou em fazer um voo RJ - Dublin e no meio do caminho conhecer NY? E, o melhor, sem gastar mais por isso? Essa opção é possível: descubra aqui o que é e como fazer stopover e inclua mais destinos em suas viagens.

Existem duas coisas que a gente mais gosta na vida: viajar e economizar. Quando é possível fazer as duas coisas ao mesmo tempo, é o ápice da felicidade.

Ah, Juliana, você já vai começar com aquele papo de pegar carona, se hospedar em couchsurfing ou trocar hospedagem por acomodação? Minha resposta é: não!

O que vou compartilhar com aqui hoje é uma forma muito tranquila de economizar. E, o melhor, não vai demandar de você um espírito mais aventureiro. É possível até fazer isso com a sua avó de 80 anos — sem querer desmerecer, porque sei que tem umas coroas que dão um banho.

Pois bem, já imaginou visitar dois lugares com apenas “uma passagem”? Sim, é possível e a “técnica” se chama stopover.

O que é stopover

De maneira bem resumida: stopover é uma conexão mais estendida . Quero dizer, é se aproveitar das conexões de algumas horas que geralmente acontecem em voos longos em um ponto intermediário do trajeto e transformá-la em alguns dias.

Dessa forma, você consegue incluir essa cidade que até então seria apenas um ponto de conexão em uma parte do seu roteiro.

Por exemplo, em um voo do Rio de Janeiro para Dublin, com conexão em Nova York. Numa compra normal, você ficaria umas 10h em Nova York e o único resultado disso seria uma voo ainda mais cansativo. Então, porque não estender essa conexão por 1 semana e aproveitar melhor o destino?

No entanto, é preciso entender que a regulação do stopover é feita de forma individualizada por cada empresa e tipo de passagem comprada. Portanto, é preciso analisar caso a caso.

Algumas empresas fazem o stopover de forma gratuita, outras cobram uma porcentagem. Algumas permitem comprar pela web, já outras somente por telefone. Tudo isso precisa ser analisado no momento da compra.

Como fazer um stopover

Ok, agora que você já sabe o que é, vamos para a parte prática. Vou usar o mesmo exemplo acima do Rio de Janeiro – Dublin.

A primeira coisa que você precisa saber é: quais são as cidades de conexão para esse trecho. Não adianta querer parar em Miami se a companhia não passa por lá.

Então, a dica é usar buscadores de passagens como Kayak e afins para descobrir as conexões.

Fiz uma pesquisa saindo do Rio de Janeiro dia 08 de agosto e voltando de Dublin em 30 de agosto

stopover

Iniciando a busca normalmente

stopover como fazer

Rio de Janeiro – Dublin com conexão em Nova York

Como é possível ver, fazendo esse trecho pela American Airlines, teria uma conexão de mais de 12h em Nova York. O que não serve de nada, além de deixar meu voo muito mais longo.

Em posse dessa informação, eu volto para o site do Kayak e escolho a opção várias cidades. Aqui eu vou poder escolher outros destinos, dentro do meu destino principal.

quais companhias fazem stopover

Escolhendo minhas datas e destinos

Ou seja, continuei embarcando no dia 8 de agosto. No entanto, ao invés de ir direto para Dublin, escolhi ficar em Nova York por alguns dias e só depois seguir viagem.

Aqui você precisa prestar atenção na hora da compra da passagem do segundo voo. Se eu chego em Nova York dia 9 e quero ficar na cidade por 8 dias, a data para o segundo trecho tem que ser dia 16.

como funciona o stopover

Como aqui eu estou escolhendo sempre os voos mais baratos, acabei pegando uma outra conexão — acontece. Mas na hora você pode simular outras opções de dias.

Resumindo: se eu comprasse o voo da maneira tradicional, pagaria 2.806 reais. Fazendo o stopover de um pouco mais de uma semana em Nova York, o preço sobe um pouquinho para 2.835 reais.

Ok, que estou pagando um pouco mais, mas quando que eu conseguiria fazer uma viagem de ida e volta para Nova York por esse preço?

Antes de planejar sua viagem, veja aqui quais países exigem seguro viagem

Algumas dicas para aproveitar o seu stopover

  • A primeira é claro, seja flexível. Faça várias simulações, alterando as datas. Isso pode ser a possibilidade de pagar valores ainda melhores.
  • Preste atenção nos vistos necessários para os países de conexão, bem como vacinas e outros cuidados.
  • Sempre que possível, entre em contato com a companhia para acordar melhores detalhes.
  • De maneira geral, você desembarca junto com a sua mala. No entanto, vale perguntar a companhia no momento do embarque.

Quais as companhias aéreas oferecem essa opção

Como falei acima, tem companhia que oferece de forma gratuita e outras que cobram pelo serviço e a melhor maneira de verificar quais são as empresas é, num primeiro momento, analisando em sites de busca de passagens.

Via de regra, as companhias oferecem a conexão nas cidades onde possuem base operacional. Com isso posso listar algumas:

  • Air France com conexão em Paris;
  • Copa Airlines com conexão no Panamá;
  • KLM com conexão em Amsterdam;
  • Emirates com conexão de Dubai;
  • American Airlines com conexão em Miami, Nova York, Dallas e Los Angeles; e
  • TAP com conexão em Lisboa ou Porto.

Prontinho. Agora é só aproveitar.

Na verdade, antes de encerrar o post, gostaria de ratificar o meu comunicado. Essa “modalidade” é possível e muitíssimo usada. No entanto, é preciso ter disponibilidade, flexibilidade e paciência para encontrar as melhores opções.

Ou seja, não chegue no site sonhando que na primeira busca já vai encontrar tudo perfeito e acabar se decepcionando. Faça todas as combinações possíveis e com certeza o resultado será muito satisfatório.



  • Estela Nogueira Vicentini

    Melhor post EVER! Quanta dica boa!!! Excelente, muito bem explicado eu, com certeza, vou buscar fazer stopover na próxima viagem!!!! Parabéns.

    • Juliana Noronha

      Que bom que gostou, Estela! ♥♥♥ Faz sim. Demanda um pouco de paciência para encontrar a melhor opção, mas vale super a pena.
      Beijos!

  • Marlise Vidal

    Oiiii, bem bacana o texto. É importante escrever sobre isto porque muitas pessoas ainda não sabem que podem utilizar. Também já escrevi um texto com este conteúdo. http://vistosedicasdeviagem.com/stopover-viaje-mais-gastando-menos-passagem-aerea/
    Abs. Marlise

    • Juliana Noronha

      Sim, muitas pessoas acabam perdendo uma ótima oportunidade de conhecer um destino a mais.
      Obrigada por acrescentar com o seu texto.
      Beijos!

  • Anna Claudia Rodrigues

    Ju, adorei demais o post! Agora aprendi como faz stopover! Próxima viagem já vou programar seguindo sua dica. Muito obrigada por compartilhar. bjs

    • Juliana Noronha

      Que bom, Anna!! 🙂 Fico muito feliz em ter ajudado. Boa sorte!
      Beijos!

  • Julia Salce

    Ótimas dicas! Eu costumo fazer isso pra aproveitar mais tb. Quando fui pra Tailandia, parei em Abu Dhabi… quando fui pra Finlandia, parei uma vez em Frankfurt, outra em Amsterdam… e assim vamos aproveitando o maximo! beijao

    • Juliana Noronha

      Sim, pena que nem todas as pessoas sabem e acabam perdendo uma baita oportunidade.
      Super beijo!!

  • Diana Figueiredo

    Stopover é muito maravilhoso! A TAP tem um excelente em Lisboa ou no Porto. Bom para quem vai à Europa. Adorei as dicas. bjs

    • Juliana Noronha

      Nunca voei de TAP, mas, com certeza, vou parar em Lisboa! hahahaha
      Beijos!!

  • Ju, você explicou lindamente, passo a passo. Já faço stopover há um tempo e também acho que é uma das maneiras de economizar na passagem aérea (que anda muito cara) e conhecer outros destinos. Só em Lisboa, já me perdi das vezes que parei através de stopover.. kkk… amo Lisboa!
    Em breve, publicarei um post explicando esse método muito usado também. Meus amigos vivem me perguntando como funciona e publicar no blog é uma ótima ideia para que eu possa demonstrar para todos de uma vez só .. kkkkk…

    • Juliana Noronha

      hahahahah não conheço Lisboa ainda, mas tá super na minha lista ♥ torcendo para cair lá de paraquedas.
      Sim, muitos me perguntavam também! É a melhor forma!

  • Amei Ju!! Principalmente da parte das companhias que param em cada lugar. Quase peguei stop-over em lisboa, mas estava tão bom o horário de parada que deixamos para outra. 😉

    • Juliana Noronha

      Pois é, já ajuda na hora de programar o stopover saber qual companhia para em qual lugar.
      Que bom que gostou do texto. Obrigada por comentar!
      Beijos!

  • Adorei o post! Tinha uma certa duvida em relação a isso, e o segredo é como você disse: pesquisar e não desistir…sempre vem aquela passagem com precinho bom e conseguir aproveitar mais de um destino é melhor ainda!

    • Juliana Noronha

      Pois é, nem sempre você vai conseguir achar uma boa opção de primeira. Mas é isso, só dedicar um pouco de paciência que vai valer a pena a economia.
      Beijos!!

  • Thais Paranhos

    Dica inacreditável… super anotada. Achei muito incrível vale muito a pena. Obrigada por dividir com a gente essa dica … nunca saberíamos obrigadinhaaa.

    • Juliana Noronha

      Que bom que gostou da dica, Thais!! 🙂
      Fico muito feliz
      Beijos

  • Paulo Venoso Costa

    Que post show, eu mesmo nem sabia que existia esse stopover, achei muito bacana o valor da passagem quase não muda e da para aproveitar outros destinos pagando “quase” nada a mais na passagem, excelente dica parabéns.

    • Juliana Noronha

      Siim, Paulo! Fazer stopover é uma ótima opção. Fica a dica para a sua próxima viagem! 🙂

  • Josiane Bravo

    Que bacana. Eu já tive várias conexões, mas como disse, algo que só fez a viagem ser mais cansativa. Ainda não tive a oportunidade de fazer nenhum stopover, mas quero fazer isso assim que surgir uma chance 😉
    Beijos

    • Juliana Noronha

      Sim, só deixa a viagem ainda mais extensa. Tomara que você consiga numa próxima oportunidade! ♥
      Beijos!!

  • Lorena Brito

    Ju, essa dica é muito boa! Faço varios planos de viagens que muitas vezes permite que conhecamos varios destinos e até em continentes diferetes… é bom demais e uma baita de uma economia né?

    • Juliana Noronha

      Siiim! Melhor opção ever! hahahah

  • Aline Laudelina Pires

    Adorei essa dica!!! Nunca fizemos stopover, uma maneira de economizar bem bacana

    • Juliana Noronha

      Fica aí então a dica para a próxima viagem!! 🙂
      Beijos!

  • Jaqueline Caixeta

    MUITO legal!! muita coisa que não sabia.. adorei as dicas, obrigada!! Vou usar agora rsrs
    Beijinhoss

    • Juliana Noronha

      Que bom, Jaqueline!! 🙂
      Beijos!

  • Mochilao a Dois

    Muito boas essas dicas! Eh sempre bom pesquisar o milticity e tentar aproveitar ao maximo o tempo que temos! As vezes vale bem mais a pena fazer isso do q ficar 9hrs num aeroporto… porque nao estender a viagem um pouquinho mais e conhecer um lugar novo, ne?

    • Juliana Noronha

      Verdade!! Ninguém merece ficar por 9h em um aeroporto, né?!
      Já que é pra ficar, melhor aproveitar um pouco mais da cidade. O stopover é uma ótima solução para isso.
      Beijos!

  • christine

    juuu arrasou adorei a dica e na verdade muitas vezes como foi o caso dessa simulação o valor se torna irrisório, e ainda aproveita a cidade, obrigado por disponibilizar a listagem dos spot de cia e aeroportos e com isso conseguimos nos programar muito melhor!!!

    • Juliana Noronha

      Obrigada, Chris!! 🙂
      Fico feliz em ter ajudado!
      Beijos!!

  • Aninha Lima

    Eu acho que essa opção é incrível, mas hoje ainda viajo muito com milhas! Vou guardar as suas dicas para quando precisar!! Beijos

    • Juliana Noronha

      Que bom, Ana! 🙂
      Beijos!

  • Renata Sucena

    Essa é mesmo uma boa dica para fazer mais de um destino, tento utilizar sempre quando vou fazer viagens mais longas. Muito bom o post!!

    • Juliana Noronha

      Obrigada, Renata!!
      Sim, uma boa forma de economizar e incluir mais destinos!
      Beijos!

  • Maria Carolina Diego

    Post sensacional! Eu amei e com certeza vou usar as dicas para a próxima viagem! Vou continuar lendo suas postagens!

    • Juliana Noronha

      Fico feliz que tenha gostado, Maria!! 🙂
      Obrigada por acompanhar!
      Beijos!